sábado, 30 de janeiro de 2010

Lua cheia, um clichê que me agrada.


Eu saí da cadeira para olhar a lua lá fora. Porque nunca aprecio algo tão fantástico com maior frequência? A luz da lua pode não ser produzido por ela mesma, mas é tão perfeito ao contemplar nosso planeta que tem uma mente tão geocêntrica...
A lua é intermediária do brilho do sol. A lua é anjo, é guarda, é vigia.
Encontro-me num silêncio forjado pelo desejo de só utilizar um dos meus sentidos: a visão. Através do olhar constroem-se sensações incomparáveis dentro de mim.
Que bela lua! Que presente maravilhoso - e gratuito!
O amor que se tem pela vida é confirmado nesses momentos, nos quais tudo parece completo e nada pode superar a sublime emoção de simplesmente admirar o brilho da lua - que ela possui por doação.
Se não houver amor pela vida, com um luar magnífico como este, passa a haver.
Ame a si, ame a lua, ame a vida, ame o teu bem-querer.

Obrigada, céu! Obrigada, lua!

Mais uma visão inesquecível...
Desejo que mais pessoas sintam o poder de uma imagem como a lua cheia.
Estou fascinada.

As palavras se esgotam,
mas meu coração está inundado
na luz da lua.

7 comentários:

FatoSempalavras. disse...

Torço para que vivas eternamente apaixonada....Apaixonada pelo seu namorado, por vc, pela sua família, pela vcida. Pq enquanto asssim for, certamente, teremos lindas e emocionantes palavras para apreciarmos.

De fato, a La ontem estava tão foda quanto sempre é....

Incontáveis abraços e obg por me sempre me ouvir.

Felipe Braga disse...

A Lua é minha grande companheira nas noites de insônia. Converso com ela.
Minha vida não seria a mesma sem este ser magnífico.
Bela imagem, belo texto!
Parabéns.
Beijos.

Fran disse...

Menina, o melhor é numa noite como essas ir à praia e olhar a lua ao som de violino! É A MELHOR COISA QUE TEM NA VIDA!
Adoro demaaaaaaais.
Beijos.

João disse...

Pra começar, adoooorei o título. Ficou super atraente. A imagem da Lua também tá perfeitaa! Parabéns!
O post tá muito bom. Transmitindo emoção de verdade.
Realmente a lua cheia dessa semana foi muito linda. Foi mágica. O seu post já é a 4ª menção a beleza da lua dessa semana. Foi algo além do natural. Uma percepção aguçada pelo brilho hipnotizante da Lua.

Marcelo Victorino disse...

Eu também gosto da lua cheia. Sò a odiei uma vez na vida: Quando eu estava sem persiana no quarto... Ela tava deixando tudo muito claro. Mas isso não interessa, sei

Guida Sousa disse...

Eu também lembro dela tão pouco, mas sempre me agrada parar um pouco a vida e observá-la por uns segundos, depois tudo volta a correr.

Lorena disse...

a gente leva uma vida tão corrida, desde nosso nascimento aprendemos que "tempo é dinheiro", ganhamos valores invertidos e deixamos de apreciar as simples coisas maravilhosas que todo mundo pode ver todos os dias, independente de classe, raça ou religião. Quando um breve momento nos faz perceber o valor dessas coisas o resultado é apenas esse: admiração.